Parte do Terminal 2 do Aeroporto Internacional Salgado Filho é interditado

A Superintendência Regional do Trabalho interditou o Terminal de Passageiros 2 do Aeroporto Internacional Salgado Filho, operado pela Azul Linhas Aéreas e Trip, e vários setores da TAP Manutenção e Engenharia. Segundo a Força-Tarefa de Combate ao Adoecimento pelo Trabalho da superintendência, há risco iminente à saúde e integridade física dos trabalhadores. Os termos de interdição já foram entregues à Infraero.

A TAP ME possui 1.100 trabalhadores diretos, afora os indiretos, e foi interditada parcialmente nos espaços confinados destinados às atividades de instalação (inclusive porões e tanques de combustível de aeronaves), pintura atomizada de aeronaves, operação de Plataformas de Trabalho Aéreo, plataformas elevatórias do tipo tesoura e máquinas lixadeiras, serra fita e furadeiras. Dentre os riscos que os trabalhadores estão sendo expostos estão o de câncer, doenças de pele e respiratória e o risco de explosão e incêndio. A TAP ME pode recorrer da decisão e obter o efeito suspensivo se comprovar que suas instalação não apresentam mais riscos à vida dos trabalhadores.

O documento da Superintendência Regional do Trabalho é assinado por oito fiscais do trabalho. No Aeroporto Salgado Filho, há 262 trabalhadores diretos atuando para a Infraero. A força-tarefa fiscaliza as instalações do Aeroporto Salgado Filho desde o acidente fatal com o aeroviário da TAM, em 11 de julho deste ano, quando foi atropelado por uma aeronave da companhia. A investigação resultou em interdição parcial do Aeroporto, nas atividades ligadas à rampa e à pista, em vigor desde 22 de agosto. A Infraero recorreu, mas o recurso administrativo foi rejeitado pela instância recursal superior em Brasília (DF).

No documento da interdição, auditores fiscais ressaltam que medida anterior foi violada e resultou em novo acidente, onde cinco trabalhadores da TAP ME foram atingidos por um raio enquanto executavam a manutenção de uma aeronave a céu aberto, em meio a uma tempestade de raios.

Você também pode se interessar por...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>