Câmara rejeita proposta para faixa exclusiva de ônibus na avenida Ipiranga

A Câmara de Vereadores de Porto Alegre rejeitou nesta segunda-feira a indicação de estudo para implementar faixas exclusivas para o transporte coletivo na avenida Ipiranga, nos dois sentidos, entre a Borges de Medeiros e a Antônio de Carvalho. Foram 12 votos contra a proposta, 5 a favor e uma abstenção.

A proposta tem autoria do vereador Marcelo Sgarbossa (PT). A ideia, segundo o parlamentar, era dar maior fluidez no trajeto para quem usa o transporte coletivo na cidade. As faixas exclusivas já existem em outras partes de Porto Alegre, como na avenida Brasil, na zona Norte, e em algumas vias da zona Sul da cidade. Nessa parte da cidade, viagens de 45 linhas, em horários de pico, tiveram redução média de 27%, apontou o petista.

Um dos pontos levantados pelos vereadores contrários foi o impacto ambiental. A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) elaborou estudo técnico preliminar, no ano passado, em que previa o corte de cerca de 20 árvores para pôr o projeto em prática.

Você também pode se interessar por...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>